Império do Guará disputará o Grupo Especial em 2015

Assim que as emoções dos vencedores Acadêmicos do Riacho Fundo II se acalmaram, começou  a votação da melhor escola do Grupo de Acesso. Com um enredo que exaltava os minifoliões, o Império do Guará levou o título com merecidos 266,30 pontos. Já a Dragões de Samambaia ficou em último lugar, com 238,20 pontos, e, no Carnaval de 2015, disputará como Blocos de Enredo.

 

Nesse ano, dez escolas desfilaram pelo Grupo de Acesso. O segundo lugar ficou com a Unidos da Vila Paranoá, com pontuação de 261,50, seguido pela Unidos do Varjão, com 261,10 pontos.

 

A Império do Guará apostou no enredo “A maravilhosa e delirante viagem ao encantador mundo das ilusões” para valorizar a participação dos pequenos foliões. A agremiação foi a quinta a desfilar na segunda-feira (3). Ela entrou na Passarela da Alegria com três carros alegóricos, 12 alas e 550 passistas, sendo 60 somente na bateria, quesito que lhe rendeu três notas máximas.

 

Após três anos seguidos de luta no Grupo de Acesso, a agremiação vitoriosa entrará na avenida no próximo ano para disputar uma vaga na categoria especial. “Quero agradecer minha família e a comunidade do Guará. Achei o Carnaval de Brasília cem por cento. Só acho que a população tem que participar mais e prestigiar a Passarela da Alegria”, ressaltou o presidente da escola campeã, Mário Santos.

 

A diretora da escola e irmã do presidente, Fátima Santos, exaltou o esforço do grupo e prometeu a mesma garra no Carnaval de 2015. “Fizemos um trabalho de formiguinha. Eu participo da diretoria, minha mãe é a costureira e por aí vai. Esse título foi mais do que merecido.”

 

Apesar de decepcionados com o rebaixamento, os integrantes da Dragões da Samambaia se mostraram conformados. “Esse é um jogo. Tem hora que ganhamos e outra que perdemos. Participamos com garra, mas temos consciência de que deixamos a desejar em alguns quesitos como nas alas. Mas esperamos ser melhores no próximo”, afirmou o carnavalesco da agremiação de Samambaia, Osiene Furtado.

Fonte:

Deixe um comentário