Impasse na Organização das Cooperativas do DF

Está sub-júdice a eleição na poderosa Organização das Cooperativas do DF (OCDF). A disputa pelo controle da entidade, que reúne 125 cooperativas e movimenta mais de R$ 6 milhões por ano, gerou um impasse entre a diretoria anterior e o grupo eleito na terça-feira (6).

A chapa Novo Tempo, encabeçada pela presidente Márcia Ionni Ramos Behnke, alega que a oposicionista Somos Coop, liderada por Reny Gorga Neto, antecipou indevidamente a eleição, convocada por ela para 30 de abril em edital publicado no dia 26 de fevereiro.

Reny responde que não há dúvida. Segundo ele, foi respeitada a primeira convocação feita em edital do dia 3 de fevereiro chamado a eleição para 6 de março. E explica que das 45 cooperativas aptas a votar, 24 compareceram e 22 votaram na Somos Coop.

A diretoria anterior reclama de ter sido “despejada” no dia seguinte ao pleito, quando os eleitos, literalmente, sentaram em suas cadeiras. Reny justifica que, pelo estatuto da OCDF, a assembléia que elege é a mesma que dá posse aos vencedores.

Deixe um comentário