Handebol feminino conquista mundial

A Seleção Brasileira de handebol feminino conquistou no domingo (22), pela primeira vez e de maneira invicta, o título de campeã mundial da categoria. As meninas do Brasil venceram a dona da casa, Sérvia, por 22 a 20 na finalíssima disputada no país. Antes, a seleção havia derrotado a tricampeã Dinamarca nas semifinais em um campanha histórica, arrancando elogios da presidenta Dilma Rousseff em sua conta oficial no Twitter. “Quem assistiu as meninas do handebol nas Olimpíadas de Londres já havia se apaixonado pela sua garra e categoria”, lembrou Dilma neste sábado (21) pelas redes sociais.

Dilma escreveu ainda sobre a importante colaboração do governo federal no desenvolvimento da categoria no País. “Desde 2003 o governo apoia o handebol. Em junho, Banco do Brasil e Correios assinaram patrocínio de R$ 9,4 milhões para o esporte”, lembrou.

Na preparação para os Jogos Olímpicos de Londres 2012 e Rio 2016, o Ministério do Esporte investiu R$ 5,4 milhões na Seleção feminina. Já especificamente para os Jogos Rio 2016, a preparação das seleções feminina e masculina conta com R$ 3 milhões do Ministério, R$ 4,4 milhões do Banco do Brasil e R$ 2 milhões dos Correios, totalizando R$ 9,4 milhões de investimentos do governo federal.

Campeonato Mundial

A Seleção brasileira já havia vencido as donas de casa anteriormente no torneio, durante a fase de grupos, por 25 a 23, conquistando a classificação para as oitavas de final. A campanha incluiu vitórias contra Argélia, China, Japão, Holanda e Hungria, além de dois jogos contra Dinamarca (na fase de grupos e nas semifinais) e Sérvia (na fase de grupos e na final deste domingo).

O Campeonato Mundial realizado em São Paulo, em 2011, teve verba de R$ 5,9 milhões do Ministério do Esporte. Um dos objetivos foi colocar as jogadoras para atuar diante da torcida brasileira e, assim, formar público para a modalidade. O quinto lugar na competição – melhor colocação brasileira em Mundiais até então – já mostrou como a Seleção estava evoluindo.

Centro de Desenvolvimento

Em 2011, o Ministério do Esporte havia feito dois convênios (R$ 4 milhões) com a Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) para montar as seleções feminina e masculina adultas permanentes. Além disso, apoia o handebol de outras formas. O Encontro Nacional de Professores de Handebol de Instituições de Ensino Superior, a estruturação do Centro Nacional de Desenvolvimento do Handebol no Sesi de Blumenau e o Campeonato Nacional de Handebol Escolar são exemplos de eventos apoiados financeiramente pelo governo federal.

O Ministério do Esporte e a prefeitura de São Bernardo do Campo (SP) estão finalizando a construção e estruturação do Centro de Desenvolvimento do Handebol Brasileiro, no Bairro Vila do Tanque. O ministério repassou R$ 12 milhões à prefeitura, que pôs mais de R$ 1 milhão em contrapartida, o que resultou em contrato de R$ 13.045.000,00.

Fonte:

Deixe um comentário