Governo quer convocar médicos cubanos para enfrentar novo coronavírus

Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

O Ministério da Saúde pretende convocar médicos cubanos, que participaram do programa Mais Médicos, para voltar a trabalhar no Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo é ajudar a controlar a crise do novo coronavírus (Covid-19).

Segundo o secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, a medida visa também ajudar a repor parte da mão de obra que se perde no transcorrer da doença, já que médicos sofrem com a contaminação. A expectativa é de aumento exponencial de infectados nas próximas semanas.

Nesta segunda-feira (16), o edital foi aberto. Caso as vagas não sejam preenchidas por brasileiros nas duas primeiras chamadas, um novo edital será lançado para contratação de médicos cubanos. Estudantes de medicina, a partir do sexto ano de curso, também serão chamados para atuar no controle da pandemia. Os profissionais deverão atuar em 1.864 municípios, além de 19 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs).

Deixe um comentário