GDF abrirá vagas temporárias para professores

Na terça-feira (17), foi publicada no Diário Oficial do DF uma portaria para criação de comissão que avaliará a banca examinadora que preparará o próximo concurso para professores temporários.As empresas interessadas terão até 27 de julho para encaminhar as propostas. O número de contratações e as disciplinas serão divulgados em edital que deve ser publicado até o final do segundo semestre.

A Secretaria de Educação destaca que o atual banco de cadastro de professores temporários é válido até dezembro de 2018, por isso um novo certame está em andamento e para suprir eventuais necessidades do ano letivo de 2019.A SEEDF informa ainda que trabalha dentro do plano Carência Zero, para que não haja salas de aula sem docente em nenhuma das mais de 600 unidades escolares públicas do Distrito Federal.

A pasta esclarece que a contratação de professores temporários é utilizada para suprir carências eventuais da rede pública de ensino como, por exemplo, a substituição de professores concursados que estão exercendo cargos de gestão ou em cumprimento de licenças médicas.

O Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinpro-DF) diz, em nota, que “infelizmente, a SEEDF tem a prática de também colocar professores com contrato temporário em vagas de concursados”. Além de afirmar que ainda há carência para disciplinas como Língua Portuguesa, Geografia, História e Ciências, que não foram preenchidas no último chamamento, referente ao concurso realizado em 2016.

Fonte:

Deixe um comentário