Futuro senador é acusado de pagar sexo a menor de idade com lanche

O primeiro suplente do senador Cristovam Buarque, Wilmar Lacerda (PT), que assumirá o mandato de senador a partir do dia 1° de dezembro, foi acusado por uma adolescente de oferecer lanche em troca de sexo. A ocorrência foi registrada na 31ª Delegacia de Polícia, em Planaltina.

A moradora de Planaltina, reduto eleitoral de Lacerda, conta que conheceu o político através de uma mulher chamada de Rebeca, que, supostamente, é uma agenciadora de jovens bonitas da região.

Segundo informações do Metrópoles, o primeiro encontro ocorreu em um botequim da Quadra 5 de Planaltina. Os dois voltaram a se encontrar no Shopping Conjunto Nacional, onde almoçaram no restaurante Torre de Pisa.

Após o almoço, o petista teria convidado a jovem para o apartamento dele, onde ocorreu a primeira relação sexual entre os dois. Segundo a adolescente, eles teriam saído outras quatro vezes. Em todas as ocasiões, Lacerda afirmou não ter dinheiro para pagar a jovem e teria recusado o uso de preservativos.

Deixe um comentário