Francisco, Dalai e Chico Xavier

Um católico, um budista, um espírita e a mesma mensagem: caridade, o amor em ação, no dizer de Carlos Pastorino. Este apelo encanta a multidão, e por isso os três fazem tanto sucesso. Mesmo os egoístas lamentam não terem a mesma disposição. Se soubessem o valor da caridade, seriam caridosos por egoísmo.

João Evangelista dizia que “quem diz que ama a Deus e não ama seu semelhante é mentiroso”. O povo da terra, engatinhando na virtude da caridade, precisa, ainda por muito tempo, destes exemplos, para continuar seu desenvolvimento.

Os três mostram que vieram de um mesmo Senhor, de uma mesma Fonte. A separação e as religiões são invenções dos homens e não de Deus. Os avatares trazem suas mensagens e os homens as transforam em religiões.

Quando a humanidade chegar a um nível satisfatório de evolução, todas as religiões se fundirão numa só: Fraternidade. Jesus dizia: “meus mensageiros virão do ocidente e do oriente. Eles ouvirão a minha voz e haverá um só rebanho e um só pastor”.

Uma das parábolas mais comentadas de Jesus é exatamente aquela que exalta o valor da caridade: a parábola do bom samaritano.

Fonte:

One Response

  1. Matos!!!!!
    Que surpresa boa meu amigo querido!!!!! parabens!!!!!!!!e…….linda mensagem!!!

Deixe uma resposta para luciana Cancelar resposta