Forças de segurança do Mali invadem hotel e libertam ao menos 80 reféns

201511200755246592_AFP

As forças de segurança do Mali invadiram a filial do hotel Radisson Blu, na região oeste do centro da capital Bamako, em uma operação junto a forças americanas e francesas para libertar reféns das mãos de um grupo de homens armados que invadiu o prédio nesta sexta-feira. Segundo a rede de TV estatal ORTM do Mali afirmou que 80 dos 170 reféns incialmente retidos já foram liberados. Já rede que administra o hotel informou que ainda há 125 hóspedes e 13 funcionários no prédio. Um porta-voz do Ministério de Segurança do Mali confirmou à AFP que três pessoas morreram no incidente: supostamente dois malineses e um francês.

O comandante Modibo Naman Traore, por sua vez, afirmou à AP que ao menos 20 reféns já foram liberados. Ao entrar no local, os atiradores disparavam a esmo gritando “Allahu Akbar” (“Deus é grande”, em árabe), disseram fontes policiais.

— Bem cedo pela manhã houve disparos. Ao que parece, é uma tentativa de fazer reféns. A polícia está lá e estão isolando área — disse uma fonte das forças de segurança.

Os atiradores ocuparam o sétimo andar do prédio, informaram testemunhas. Um integrante da equipe de segurança do hotel afirmou que dois guarda-costas privados se feriram no início do ataque, que ocorreu por volta das 7h da manhã (horário de Brasília). Segundo uma testemunha, os agressores chegaram ao hotel em veículos diplomáticos, informou a CNN.

Fonte:

Deixe um comentário