Florentino nega ultimato de jogadores contra Mourinho e acusa jornal de ‘desestabilizar’ o Real

Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, negou de forma veemente que Iker Casillas e Sergio Ramos tenham pedido o ultimato contra o técnico José Mourinho, conforme publicou o jornal ‘Marca’ em sua edição de hoje.

“É rotundamentwe falso. Não aconteceu qualquer tipo de ultimato ao treinador ou qualquer coisa desse tipo. Como toda terça, temos a reunião para falar sobre as competições da temporada em curso. A reunião aconteceu em uma clima magnifico, como é habitual”, afirmou o mandatário.

Segundo Florentino, o diário esportivo tem por objetivo desestabilizar o clube.

“Quero reiterar que tenho o maior respeito pela imprensa. Mas acredito que existam limites éticos que devem ser respeitados. Nessa reunião estavam quatro pessoas, e só perguntar para as outras três. O diretor e eu estamos aqui à disposição. É grave o que ocorreu. Recorrer à mentira para desestabilizar o clube não me parece ético. O que foi publicado é simplesmente mentira”, disse.

Fonte: ESPN

Deixe um comentário