Flagrantes de motoristas alcoolizados crescem

Óculos especiais usados por PMs são capazes de filmar os motoristas (Ed Alves/CB/ DA Press)
Óculos especiais usados por PMs são capazes de filmar os motoristas

A cada uma hora e 38 minutos, um motorista alcoolizado é barrado pela fiscalização nas ruas de Brasília desde a vigência da nova lei seca. No total, 471 foram flagrados pelas autoridades de trânsito entre 21 de dezembro passado e 21 de janeiro, quando as punições ficaram mais rigorosas para quem bebe e dirige (leia ilustração). Só as autuações do Departamento de Trânsito (Detran) aumentaram em 36,4% no período. Com elas, a arrecadação: as multas aplicadas pelo órgão no último mês renderão R$ 551.635,20 — 168% a mais do que no mesmo espaço de tempo do ano anterior.

O crescimento do valor recolhido com a lei seca se deve a basicamente a dois fatores: primeiro, mais gente foi flagrada em desrespeito à norma. Segundo, o valor da infração, agora, é praticamente o dobro: passou de R$ 975 para R$ 1.915,40.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário