FedEx acelera integração no Brasil

Divulgação

Entrega no Rio de Janeiro: após segunda maior aquisição da história da empresa, FedEx terá presença local

No meio do ano passado, a FedEx comprou a recifense Rapidão Cometa, e, por estranho que pareça, a gigante no negócio era a empresa brasileira – pelo menos no que diz respeito à presença no País. Logo antes da aquisição, a FedEx tinha 622 funcionários no Brasil; a Rapidão, cerca de 9 mil. “Foi a segunda maior compra da história da FedEx, só atrás do negócio com a Flying Tigers, em 1989”, diz Troy Maxey, diretor executivo de operações internacionais da FedEx para América Latina e Caribe.
Daqui a mais ou menos um ano, a integração das duas empresas estará concluída. Então, a marca Rapidão Cometa, uma empresa familiar fundada há 73 anos, que atende um território onde se encontra 96% do PIB brasileiro, irá acabar. E a marca FedEx, que atua em 220 países e tem faturamento global de US$ 43 bilhões, vai chegar “de verdade” ao Brasil.
Fonte: IG Notícias
Sites e Blogs

Deixe um comentário