Estatização de aeroportos bolivianos

O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse hoje (18) que irá nacionalizar a empresa Serviços de Aeroportos Bolivianos Sociedade Anônima (Sabsa), filial das empresas espanholas Abertis e Aena. Segundo Morales, a decisão decorreu da “resistência dos executivos da empresa em aumentar os investimentos nos aeroportos do país”.


A proposta inicial de Morales à Sabsa previa investimentos, nos próximos nove anos, de U$36 milhões na manutenção e ampliação dos aeroportos de La Paz, Cochabamba e Santa Cruz.


De acordo com o governo boliviano, a decisão é parte de uma política de estatização aplicada por Morales, que visa a recuperar “lugares estratégicos” da economia boliviana, como recursos naturais e serviços públicos.


Fonte: Agência Brasil

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário