Escolas de samba do DF ajustam últimos detalhes

Neste ano, a folia ocupará o estacionamento do Ginásio Nilson Nelson. A segunda parcela da verba será paga às agremiações e aos blocos de rua até sexta-feira

A passista Camila Lino, da Bola Preta, de Sobradinho, ensaia as coreografias para a apresentação na passarela: símbolos são dois leões (Carlos Vieira/CB/DA Press)
A passista Camila Lino, da Bola Preta, de Sobradinho, ensaia as coreografias para a apresentação na passarela: símbolos são dois leões
Os foliões brasilienses começam, neste fim de semana, a contagem regressiva para o carnaval 2013. Os blocos de rua iniciam a temporada de ensaios e as festas de pré-carnaval, e as escolas de samba desfilam no estacionamento do Ginásio Nilson Nelson de 9 a 12 de fevereiro. A mudança do Ceilambódromo, aprovada pela Secretaria de Cultura do Distrito Federal (Secult), atende a uma reivindicação da União das Escolas de Samba e Blocos de Enredo do Distrito Federal (Uniesbe).

A expectativa da Secult é de que o novo local do desfile reúna até 20 mil pessoas por dia. Somado aos foliões que irão participar do Gran Folia, localizado no estacionamento da Biblioteca Nacional, o público do carnaval brasiliense pode chegar a até 100 mil nos quatro dias. No ano passado, a Polícia Militar registrou a presença de cerca de 50 mil pessoas no Ceilambódromo.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário