Ericsson eliminará 1.600 postos de trabalho

A sueca Ericsson e o grupo franco-italiano STMicroelectronics anunciaram nesta segunda-feira (18/3) o fim da empresa conjunta de componentes para telefones celulares, ST-Ericsson, e a demissão de 1.600 funcionários.


A Ericsson assumirá a tecnologia de transmissão LTE e 1.800 funcionários. A STMicrolectronics assumirá os demais produtos e 950 trabalhadores. A separação será concluída no terceiro trimestre.


Como consequência da separação, a empresa conjunta ST-Ericsson anunciou a eliminação de 1.600 postos de trabalho em todo o mundo, incluindo 400 e 600 na Suécia e de 50 a 80 na Alemanha. Em 2012, a ST-Ericsson tinha 5.000 funcionários, principalmente na Suécia, Alemanha, Índia e China.


Fonte: France Press

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário