Enxurradas destroem casas no condomínio Sol Nascente

Cinco casas foram atingidas na tarde de ontem por uma enxurrada na Chácara 74 do Sol Nascente. Uma família de sete pessoas perdeu o lar quando um contêiner vazio atingiu o muro e derrubou a construção. A Defesa Civil foi até o local e retornará essa manhã com telhas doadas para auxiliar nas obras. 
Quando estava no trabalho, o pedreiro João Francisco Palheiro, de 38 anos, recebeu uma ligação da filha, desesperada pelo desabamento. “Meus filhos estavam todos em casa. Na hora falei para eles saírem o quanto antes e irem para casa do vizinho. Eles tiveram que pular o telhado para fugir da água”, conta.
O muro de frente da casa e o portão de ferro foram derrubados com a enxurrada. O carro estacionado no lote foi atolado na lama e a família dependeu do apoio da comunidade para ter onde passar a noite. Os cinco filhos do casal foram levados para a casa da sogra no Recanto das Emas. Já João e a mulher estão hospedados na casa de vizinhos. 
A vizinhança reclama do descaso do governo e lembra que muitos moradores do condomínio Sol Nascente já passaram por situações parecidas antes.
Fonte: Jornal de Brasília
Extratos dos Jornais

Deixe um comentário