Entrevista com Sandra Faraj

A deputada Sandra Faraj assinou a filiação ao Partido da República (PR) na terça-feira passada (27) após vários meses de negociações com os caciques da legenda.A distrital, que tentará a reeleição, conta que foi muito bem recebida pelos novos correligionários, e que está confiante de que o PR fará uma bancada forte na Câmara Legislativa e no Congresso Nacional.

Como foi construída a aproximação com o PR? –Há alguns meses, conversávamos com as lideranças do partido. Portanto, não foi algo decidido de supetão. Foi bem natural. Juntou minha insatisfação com meu antigo partido com a oportunidade de ir para uma agremiação forte, que tem uma linha de atuação muito mais próxima da minha.

Quem foram seus interlocutores? –Estivemos várias vezes com lideranças fortes do partido, como o Jofran Frejat. Mas todos me incentivaram. Até que recebi o telefonema do Valdemar Costa Neto, um dos mais influentes dentro do partido, para assinar a ficha de filiação. Para mim foi uma honra. Estou muito feliz porque sei que no PR poderemos fazer um trabalho ainda melhor para Brasília.

Como foi a receptividade de seus novos correligionários? – Muito boa. Sei que o PR trabalha com união, determinação e objetivos bem definidos. Isto é fundamental para conquistarmos mais espaço político e assim poder fazer mais pela nossa cidade.

A senhora será candidata a deputada federal ou à reeleição para distrital? – Distrital. Ter uma bancada forte no DF é objetivo da diretoria regional e também da nacional.

Agora a senhora está na oposição ao Governo Rollemberg? –

Não. Meu posicionamento sempre foi em favor da cidade, não importa de onde vem o projeto. Tem que ser bom para Brasília. Estou aqui para servir e honrar a confiança dos mais de 20 mil votos que tive. Meu posicionamento sempre foi e continuará sendo por Brasília.

Fonte:

Deixe um comentário