Empresários homenageiam Ibaneis

Ibaneis cumprimenta o presidente do Sindivarejista, Édson de Castro

O saldo dos primeiros cem dias de gestão Ibaneis Rocha “é altamente positivo e traz benefícios para o setor produtivo e para toda a população”. A afirmação é do presidente do Sindivarejista, Edson de Castro durante jantar promovido por várias entidades de classe, quarta-feira (10) em homenagem aos governador, que fez um balanço de sua administração, iniciada em 1º de janeiro. Ibaneis elencou avanços nas áreas de saúde, infraestrutura, segurança e economia. 

Edson de Castro disse que o fim da cobrança do Diferencial de Alíquota (Difal) que incidia sobre o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) “é um dado histórico que corrige uma grave distorção que causou danos à economia, com a saída de empresas do DF para vários estados”. Ele frisou que esse êxodo causou a perda de pelo menos 60 mil postos de trabalho no DF, devido ao fechamento de empresas. “Ainda temos 15 mil lojas sem funcionar”, exemplificou.

Édson de Castro (centro) com o vice-governador Paco Britto e o empresário Talal Abu-Allan

Difal – O governador afirmou que o Difal prejudicou o crescimento da capital da República porque 30 mil empresas fecharam, o que agravou o desemprego. “Um de nossos compromissos é com o crescimento da economia e esse item passa pela extinção do Difal”.

A iniciativa do Executivo já foi aprovada pela Câmara Legislativa. “Iremos fazer, nos próximos dias, uma grande solenidade para a sanção da lei que estabelece o fim do Difal”, prometeu. “Vamos investir na cidade. Tudo faremos para reabrir lojas. Combateremos o desemprego. Agora temos segurança jurídica para atrair empresas dos estados que desejam vir para o DF”. E encerrou: “o Distrito Federal tem tudo para voltar a crescer. Os investidores voltarão. Brasília dará certo”.

Melhorias – Também discursaram os empresários Valdeci Machado, da Federação das Associações Comerciais (Faci-DF); Francisco Valdeci Cavalcanti, vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio; Jamal Bittar, presidente da Federação das Indústrias do DF; José Carlos Magalhães Pinto,  presidente da CDL; e Janine Brito, do grupo Empresários em Ação.

Todos reconheceram que o DF vem crescendo desde que Ibaneis assumiu. “O governador se empenha pela expansão da economia, o que é positivo para todos nós. Ele está mudando para melhor o perfil econômico de Brasília”, disse Janine Brito.

Presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia, e o presidente do Sindivarejista

Deixe um comentário