Em leilão, PRF vende Harley Davidson a partir de R$ 17 mil

A moto mais cara tem lance inicial de R$ 27 mil. Foto: Reprodução/ Correioweb
A moto mais cara tem lance inicial de R$ 27 mil. Foto: Reprodução

Em quatro horas de leilão da Polícia Rodoviária Federal (PRF) 14 motos Harley Davidson foram arrematadas. Os valores variaram de R$ 17 mil a R$ 27 mil. As que estavam com menor lance (R$ 7,5 mil) chegaram a ser vendidas por R$ 17,5 mil. Até as 13h30, do total de 110 lotes de itens diversos, 20 ainda faltavam ser arrematados. Ao todo, 90 já tinham saído. A expectativa da corporação é comercializar todos os produtos até as 15h desta terça-feira (1/12).

Segundo o policial rodoviário federal Robson Meireles, o leilão tem superado as expectativas. Um conjunto de sucatas, por exemplo, com transformadores, monitores, material de informática diversos, gabinetes, CPU’s, mouse, teclado foi vendido por cerca de R$ 20 mil. O lance inicial era R$ 500.

Dos 20 lotes que ainda não tinham saído estavam duas motos Harley Davisson, uma Pajero Dakar, uma GM Blazer, um GM Astra, uma GM Zafira e um Volkswagen Gol.

Do total de motocicletas que estavam a venda tinham 16 Harley Davisson, 11 Honda CB 500, duas AVA Kawasaki e uma VW Moto Amazonas.


Leia mais:


Veterinários desenvolvem técnicas para aumentar a produção de peixes no DF


Empresários do cartel dos postos de gasolina do DF são soltos


Sinpol-DF critica criação de delegacia contra racismo e intolerância religiosa


 

Fonte:

Deixe um comentário