Drama de cantora no Brasil viraliza na Rússia

Integrante da primeira formação do grupo pop russo “Slivki” (Creme), que fez sucesso a partir dos ano 2000 no país, a cantora Daria (Dasha) Ermolaeva viralizou nas redes sociais, depois de uma amiga pedir que seus fãs a ajudassem com dinheiro para ela retornar à Rússia. Segundo a amiga, a atriz Teona Dolnikova, Daria também está doente e precisa de medicamentos, além de ter um bebê.

“Dasha é minha melhor amiga e uma pessoa sensível e bondosa. Agora essa pessoa maravilhosa precisa de ajuda. Deus queira que ninguém de vocês passe por essas dificuldades, mas, infelizmente, isso também acontece na vida”, escreveu Dolnikova no Instagram.

“A Daria se casou com um cara que parecia normal em Moscou. No final das contas ele a fez vender sua casa em Moscou e mudar para o Brasil. Metade do dinheiro ele simplesmente tomou dela, e com o que restou eles compraram uns destroços, porque o dinheiro não dava para mais nada. Ele fugiu com metade do dinheiro e renegou o próprio filho um mês antes do seu nascimento. Largou a Daria em dívidas e em uma casa destruída. Ela não tem dinheiro nem para comprar uma passagem e voltar para a Rússia. E não tem com quem contar, porque sua mãe morreu”, explicou a atriz.

Outro lado – À imprensa, o marido de Daria, Denis Gatalski, disse que nunca esteve no Brasil. “Em primeiro lugar, nunca estive no Brasil. Sou ex-militar, por isso até agora não tenho permissão de viajar ao exterior. Ela, pelo contrário, pirou nisso, literalmente, sozinha”, disse Gatalski. 

Segundo ele, a ex-mulher viajou sem ele, mesmo sabendo que ele não podia deixar o país. Já no Brasil, ela teria se envolvido com outro homem, de quem engravidou. 

“As informações publicadas pela Dolnikova não têm nada a ver com a realidade, exceto pelo fato de que ela mora no Brasil, mas isso é por vontade própria, e que espera um segundo filho de outro homem”, disse Denis.

A cantora não fez ainda declarações à imprensa sobre o caso.

Com as agências de notícias. 

d.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(s);

Fonte:

Deixe um comentário