Do Gama ao Plano Piloto em 37 minutos

Agnelo entrega o Expresso DF, que começa a funcionar em fase de teste

Começou a circular na quarta-feira (2), ainda em fase de teste, o Expresso DF Sul, sistema de transporte coletivo que ligará as regiões administrativas do Gama e Santa Maria ao centro de Brasília. São nove novos ônibus articulados. A primeira viagem foi feita pelo governador Agnelo Queiroz e sua comitiva. O percurso do Gama à rodoviária de Brasília foi feito em 37 minutos. “É um transporte novo, não tem parada em sinal de trânsito, só na estação. Então, precisa de fase de adaptação até a segurança total do sistema”, disse o governador.

O Expresso DF Sul prevê a construção de 35 Km de corredores exclusivos para ônibus, 15 estações de integração, 15 passarelas para pedestres, além da melhoria de acessibilidade e da infraestrutura viária. Inicialmente, o veículo fará apenas uma parada na estação Granja do Ipê, no Park Way, e depois seguirá para o ponto final na rodoviária do Plano Piloto. Enquanto estiver em fase de teste, não será cobrada tarifa. E quando o novo sistema tiver em pleno funcionamento a passagem custará R$ 3,00.

Os coletivos do Expresso DF Sul vão trafegar num corredor exclusivo, 24 horas por dia, segundo o GDF. O objetivo do governo é reduzir em 50 minutos o tempo de viagem, que hoje é, em média, de uma hora e meia. O novo sistema deve beneficiar 270 mil pessoas. Cada ônibus do Expresso DF Sul tem capacidade para 130 passageiros e conta com portas de acesso nos dois lados. Com isso, passageiros poderão embarcar do lado esquerdo no corredor do Expresso DF Sul e desembarcar do lado direito no Plano Piloto, a exemplo do que deveria ter ocorrido no corredor exclusivo da EPTG, entre Ceilândia, Taguatinga e o Plano Piloto.

A obra tinha previsão de entrega para o ano passado, para ser testada durante a Copa das Confederações e estar em pleno funcionamento durante a Copa do Mundo. Mesmo atrasada, os moradores receberam muito bem a inovação. “De repente, o que parecia um sonho distante se tornou realidade. Trabalho no Setor Comercial Sul e serei um usuário assíduo do Expresso DF. Tomara que outras cidades tenham a mesma sorte”, comemorou Bruno Rafael, morador do Gama.

Saiba +

Serão atendidas 270 mil pessoas, cerca de 11% da população do DF. O investimento inicial é de R$ 533 milhões e a verba faz parte do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC 2).
agnelo

Fonte:

Deixe um comentário