Cota Mil ganha nova roupagem

ft2 navegar

Já é visível o bom trabalho que a nova gestão do Cota Mil Iate Clube vem fazendo desde que assumiu a administração do clube.  Depois da reforma dos banheiros masculino e feminino, e das piscinas, que ganharam nova roupagem e, também, da inauguração do Espaço Bebê que conta com uma bela estrutura para as mamães e seus “pimpolhos”, foi a vez dos píeres serem reformados e darem aos navegantes segurança para o embarque e o desembarque.

O projeto de reforma vem sendo realizado desde o mês de abril, e já foi entregue mais de setenta metros totalmente reformados com a devida iluminação obrigatória pela Marinha do Brasil, conforme estabelece a Norman3.

“Contratamos dois profissionais para cuidarem, exclusivamente, da reforma do cais do Cota Mil”, afirma o comodoro Jorge Gutierrez.  Conforme Jorginho, como é mais conhecido entre os sócios do clube, a náutica também tem sido uma das prioridades da nova administração do clube. “Temos um diretor de náutica com grande experiência e competência, que é o Eugênio. Além de ser velejador, praticamente, nasceu dentro desse clube e tem feito um grande trabalho”, afirma.

Além da reforma dos píeres, conforme o diretor da náutica, Eugenio Gerth Britto, a marina do clube tem passado por algumas modificações para atender melhor os sócios e dar eficiência na logística das embarcações. “Temos feito um trabalho de dinamização da marina, realocando algumas embarcações que são mais utilizadas para locais que facilitem a subida e a descida delas”, relata Eugênio. “Esse novo processo é um pouco demorado, mas também vai facilitar o trabalho dos marinheiros dando mais rapidez no atendimento aos que navegam com mais freqüência”, conclui.

ft1 navegar

A limpeza do lago, em frente ao clube, ganhou aliados de peso. Desde o início do mês, três mergulhadores participam do projeto “Refletir é viver! Lugar de Lixo é na lixeira”. O evento tem como objetivo recolher todo o lixo do fundo do lago. “Muitas pessoas são educadas, mas outras, infelizmente, não, e acabam jogando objetos na água. Já começamos a retirada desses detritos”, afirma Jorginho.

Fonte:

Deixe um comentário