Comissão Europeia não está satisfeita com últimas propostas da Grécia

uniao-europeia1Os europeus tentam alcançar um acordo sobre as reformas necessárias no país

A Comissão Europeia informou nesta quarta-feira (10/6) que não está satisfeita com as novas propostas apresentadas na véspera pelas autoridades gregas, com o objetivo de permitir a liberação de uma ajuda financeira vital para o país.
O comissário de Assuntos Econômicos, Pierre Moscovici, informou na terça-feira (9/6) à tarde aos representantes gregos que “as últimas sugestões feitas não refletem as discussões entre (o presidente da Comissão, Jean-Claude) Juncker e (o primeiro-ministro grego Alexis) Tsipras” da semana passada em Bruxelas, afirmou Margaritis Schinas, porta-voz do Executivo europeu.

“O trabalho segue em nível técnico com o objetivo de tentar reduzir a distância entre as diferentes posições e criar as condições para um acordo unânime dos 19 membros da zona do euro”, acrescentou.

Os europeus tentam alcançar um acordo sobre as reformas necessárias na Grécia, das quais o desembolso de 7,2 bilhões de euros prometidos ao país depende.

Os credores, a UE e o FMI, devem dar primeiro sua aprovação, sendo seguidos pelos membros da eurozona, por unanimidade.

Tsipras e Juncker se reuniram na semana passada para tentar desbloquear as negociações, mas elas esbarraram novamente em como reformar as pensões e em uma alta do IVA sobre a energia elétrica.

Leia mais:


 

Comércio deve ter pior desempenho dos últimos 12 anos, segundo CNC


 

Fonte:

Deixe um comentário