Comércio de Brasília abrirá no domingo de carnaval

Edson de Castro, presidente do Sindivarejista: “O cenário econômico atual beneficia os foliões, cujo poder de compra aumentou com a queda da inflação

É o que determina Convenção Coletiva de Trabalho, assinada entre o Sindicato do Comércio Varejista – Sindivarejista – e o Sindicato dos Empregados no Comércio – Sindicom. A medida tem por meta criar uma nova cultura de consumo porque será a primeira vez na história da cidade que as lojas de shoppings e as de rua abrirão no domingo de carnaval.

Na segunda e terça-feiras de carnaval, elas estarão fechadas para reabrir na quarta-feira de cinzas, dia 14.

 

Vendas para o carnaval podem crescer 4% em Brasília 

As vendas de fantasias e adereços, por exemplo, deverão crescer 4% no comércio do Distrito Federal contra 2,5% do ano passado. É que a queda dos juros ao consumidor e a redução da inflação estimulam o consumo.

Além disso, cerca de dois milhões de pessoas deverão sair em blocos carnavalescos nos quatro dias de folia no Plano Piloto e cidades-satélites.

Para o Sindivarejista – Sindicato do Comércio Varejista -, outro fator que contribui para a elevar as vendas é que este ano devem sair para passar o carnaval em outras cidades 180 mil pessoas contra 300 mil da folia de 2017.

O reinício das aulas, o aumento dos preços das passagens aéreas e da gasolina retêm foliões em Brasília.

O presidente do Sindivarejista, Edson de Castro, disse hoje que “o cenário econômico atual beneficia os foliões, cujo poder de compra aumentou com a queda da inflação. Ao mesmo tempo, o Governo do DF está incentivando a expansão do carnaval de rua. Nos clubes, haverá mais de 80 bailes noturnos e diurnos”.

Fonte:

Deixe um comentário