Ciclos de aprendizagem é indeferida pela justiça

O juiz de Direito da 5ª Vara da Fazenda Pública do Distrito Federal deferiu liminar determinando que não seja implementada a nova organização curricular dos ciclos de aprendizagem para o ensino fundamental e, em semestralidade, para o ensino médio, mantendo a metodologia atual até o julgamento final. A ação de conhecimento foi movida pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios- MPDFT contra o Distrito Federal. 
De acordo com o MPDFT a nova organização curricular foi instaurada sem a necessária lei que a autorizasse, sem a apreciação dos interessados, no caso, pais, alunos e professores, e com a discordância do Conselho de Educação do Distrito Federal.
Fonte: TJDFT
Extratos dos Jornais

Deixe um comentário