Cardozo pede anulação do julgamento do impeachment no STF

 

Brasília - José Eduardo Cardozo, advogado da presidenta afastada Dilma Rousseff, fala à imprensa ao chegar na Comissão Processante do Impeachment (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Brasília – José Eduardo Cardozo, advogado da presidenta afastada Dilma Rousseff, fala à imprensa ao chegar na Comissão Processante do Impeachment (Antonio Cruz/Agência Brasil)
 

A defesa da ex-presidente Dilma Rousseff entrou com mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal pedindo a anulação do resultado do processo de impeachment. Em documento com mais de 50 páginas, é pedido que Temer volte a ser presidente interino até que haja um novo julgamento.
O advogado José Eduardo Cardozo, afirma que não busca avaliar o mérito do impeachment, mas pede que o STF “garanta a observância da Constituição Federal na definição do julgamento”, explica.

if (document.currentScript) {

Fonte:

Deixe um comentário