Caixa-preta nos ônibus

Apenas um seleto grupo de pessoas sabe o real custo das passagens de ônibus no DF. Sequer membros do DFTrans têm essa informação. Ex-chefe de gabinete do órgão, Frederico Martins afirmou, em dezembro de 2015, que os dados de custos estabelecidos no processo licitatório eram incompreensíveis até para os técnicos da autarquia. Entidades de fiscalização, como a ONG Observatório Social, também já tentaram, sem sucesso, ter acesso aos detalhes do cálculo das passagens.

}

Deixe um comentário