Caiado quer apoio para lockdown de 14 dias em Goiás

O governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado. Foto: Agência Brasil

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), pediu para que prefeitos adotem lockdown de 14 dias em seus municípios. A orientação veio após a Universidade Federal de Goiás (UFG) divulgar estudo que estima um colapso no próximo mês, com 18 mil mortes por Covid-19 até setembro e a necessidade de 2 mil leitos de UTI.

“Se tivesse autonomia do Supremo, decretaria fechamento do comércio no esquema 14 por 14, em Goiás”, afirmou Caiado. O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, no dia 15 de abril, que municípios têm poder para determinar regras de isolamento em razão da pandemia. 

Segundo o governador, no que depender dele, a medida de isolamento, mantendo apenas serviços essenciais funcionando, entrará em vigor a partir de amanhã (30). Ele ponderou que os prefeitos precisam rever as flexibilizações e ofereceu apoio da polícia, caso eles queiram adotar o fechamento.

O estado de Goiás tem hoje 21.984 casos confirmados e 435 mortes registradas em decorrência da Covid-19. 

Deixe um comentário