BC acredita que Brasil cresceu

Alexandre Tombini: elevação provável dos juros pode frear a atividade (Gustavo Moreno/CB/D.A Press - 15/6/12)
Alexandre Tombini: elevação provável dos juros pode frear a atividade
O Brasil começou 2013 em ritmo de retomada. Segundo o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) — indicador que tenta antecipar a variação do Produto Interno Bruto (PIB) —, o país teria crescido 1,29% no primeiro mês do ano, em relação a dezembro. Foi o maior avanço desde junho de 2008, quando havia sido registrada uma expansão de 3,17%. Para o Itaú Unibanco, que também faz projeções sobre o comportamento da economia, a alta de janeiro teria sido de apenas 0,6%. As duas previsões, no entanto, são consideradas positivas pelo mercado por serem indicações de que este ano será melhor do que 2012.


No trimestre encerrado em janeiro de 2013, o avanço do IBC-BR foi de 0,65%, pouco melhor que o 0,5% registrado no trimestre imediatamente anterior. Para fevereiro, porém, segundo dados preliminares do Itaú Unibanco, o desempenho pode ser mais fraco. 


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário