Autonomia política de Brasília é questionada

O texto, do deputado Francisco Escórcio (PMDB-MA), defende que o Distrito Federal deve ser administrado por um governador indicado pelo presidente da República e aprovado pelo Senado, o que mudaria completamente o processo eleitoral da capital.  


O deputado defende ainda que o DF deve se tornar imune a qualquer dependência local dos poderes. 


Tramitação

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) vai analisar a PEC 216/12. Se for aprovada na CCJ, a PEC será encaminhada para análise de uma comissão especial. Posteriormente, a proposta será votada em dois turnos pelo plenário.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário