Aumenta rejeição a Bolsonaro

A avaliação negativa do presidente Jair Bolsonaro (PSL) saltou de 26% em abril para 40% em agosto. É o que aponta o resultado de pesquisa nacional do Vox Populi. Já a aprovação oscilou de 26% para 23%, junto a uma queda de 39% para 35% dos que consideram seu desempenho “regular”.

A reprovação representa a soma dos que consideram o desempenho “ruim” (13%) e “péssimo” (27%), enquanto a aprovação soma 18% de “bom” e 5% de “ótimo”. Apenas 2% não responderam à questão.

A reprovação à maneira como o presidente faz política, às ideias que defende e ao modo como se relaciona com as pessoas e os opositores, o chamado bolsonarismo, aumentou de 30% para 47%. A aprovação ao bolsonarismo caiu de 30% para 23%, enquanto os que se consideram neutros nessa questão passaram de 30% para 27%. Só 4% não responderam à questão

Lula – Segundo o levantamento do Vox Populi a aprovação de governo do ex-presidente Lula continua sendo a mais positiva entre todos os presidentes. Para 62% dos entrevistados, o governo Lula foi aquele em que tiveram “melhores condições de vida: emprego, maior renda, menor inflação, etc.” Apenas 5% consideram que Bolsonaro proporciona melhores condições de vida. 

Deixe um comentário