Ataques aéreos matam 13 perto de Damasco

Ativistas sírios disseram que pelo menos 13 pessoas, dentre elas oito crianças, foram mortas após um ataque aéreo das forças do regime do presidente Bashar Assad a um subúrbio de Damasco.


O Observatório Sírio pelos Direitos Humanos, sediado em Londres, informou que aviões sírios atingiram áreas residenciais de Maadamiyeh, ao sul de Damasco, na manhã desta segunda-feira. Segundo o grupo, pelo menos sete pessoas estavam presas debaixo dos escombros. O grupo recebe informações de ativistas que permanecem em território sírio.
Os ataques desta segunda-feira ocorreram um dia depois de fortes bombardeios contra áreas estratégicas nas proximidades da capital, de onde o governo tenta expulsar os rebeldes. Pelo menos 45 pessoas morreram.
O grupo de defesa dos direitos humanos Human Rights Watch (HRW) afirmou nesta segunda-feira que o regime sírio tem usado foguetes contendo bombas de cacho, o que marca uma expansão no uso desse tipo de munição, que é proibida.
Fonte: Agência Estado
Sites e Blogs

Deixe um comentário