Argelinos escapam de complexo de gás

Trinta trabalhadores argelinos conseguiram escapar de uma instalação de gás no deserto onde um grupo afiliado à Al Qaeda mantém dezenas de reféns, informou nesta quinta-feira a agência de notícias oficial da Argélia, APS. A informação ainda não foi confirmada, e a agência não disse como eles conseguiram escapar dos sequestradores.

Militantes ligados à Al Qaeda invadiram o local de extração de gás, chamado In Amenas, e a moradia dos trabalhadores antes do amanhecer da quarta-feira como vingança à intervenção francesa no Mali. Um grupo autodenominado “Batalhão de Sangue” disse ter sequestrado 41 estrangeiros, incluindo europeus, americanos e japoneses, em Tigantourine, no Saara. O governo francês não confirmou se há cidadãos franceses entre os reféns. Um britânico e um argelino foram mortos.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário