Acadêmicos do Riacho Fundo II leva troféu dos Blocos de Enredo

A disputa foi acirrada, mas, com 263,7 pontos, o Acadêmicos do Riacho Fundo II foi escolhido como campeão entre os três blocos de enredo que concorreram ao título na Passarela da Alegria. A votação contou com a presença de 27 jurados que vieram diretamente do Rio de Janeiro para avaliar os critérios técnicos das agremiações.

Foram avaliados os quesitos samba-enredo, enredo, harmonia, conjunto e evolução, mestre-sala e porta-bandeira, comissão de frente, bateria, fantasia e alegorias e adereços. A vencedora disputará, no próximo ano, com as escolas do Grupo de Acesso.

 

O presidente da agremiação, Francisco de Assis Almada Silva, não conteve a emoção com o resultado: “Nós já esperávamos este título, pois vencemos pela humildade, garra e esforço de toda a equipe. Dedico essa vitória para a comunidade de sambistas de Brasília”, ressaltou.

 

O mesmo sentimento foi compartilhado pela Rainha da Bateria Mirim do bloco. “Meu coração se encheu de alegria. Ganhar é um símbolo da lealdade do grupo no nosso carnaval. Significa também muita paz e também o crescimento da nossa escola”, revelou Ane Gabriele Lopes de Souza, de apenas 9 anos de idade.

 

Os blocos Mocidade do Valparaíso e Projeto Colibri de São Sebastião levaram o segundo e terceiro lugar com 261,20 e 257,60, respectivamente. Também desfilaram o Coruja Serrana de Sobradinho II e Unidos do Vicente Pires, mas ambos não concorreram ao título. Isso porque, pelo regulamento da Liga, os blocos mais novos devem entrar na avenida por dois anos sem disputarem o título.

 

O bloco Acadêmicos do Riacho Fundo II desfilou no sábado (1) com o enredo “Da nação do fogo à liberdade africana”. O grupo foi o quarto a se apresentar na noite e trouxe ao público um desfile rico, com dois carros alegóricos.

Fonte:

Deixe um comentário