Acabou o carnaval. E como fica a dieta?

O carnaval acaba, tecnicamente, na Quarta-Feira de Cinzas. Mas muita gente ainda estica a festa até o domingo seguinte. Para a maior parte dos brasileiros, o ano só começa na segunda feira, que este ano caiu no dia 2 de março. Você pode estar pensando que eu estou exagerando. Mas, culturalmente, no Brasil agimos assim. Sejamos realistas!

Agora, que já passamos pelas festas de final de ano e acabou o carnaval, como fica a dieta? Para quem levou a sério as dicas de carnaval que os nutricionistas prescreveram e muitos chegaram a postar nas redes sociais, pode até ter passado ileso (ou “quase”) pela ressaca pós-folia, que acontece especialmente pela desidratação que o álcool gera no nosso corpo.

Mas outros cuidados devem ser tomados de agora em diante. E estou aqui para falar sobre eles: Aumentar a ingestão de frutas e vegetais ricos em fibras, água, vitaminas e minerais será uma estratégia importante para ajudar seu organismo a se reequilibrar. Esses alimentos contribuem as nossas bactérias intestinais voltarem à sua normalidade, pois o álcool gera uma desordem no ambiente intestinal.

Além do mais, as vitaminas e minerais são os nutrientes que regulam nossas vias metabólicas. Garantir a hidratação é fundamental, especialmente com água natural e água de coco. Uma boa opção nesse momento pode ser inserir chás na dieta dos próximos dias. Os de gengibre, hibisco e chá verde são opções interessantes, pois têm ação anti-inflamatória, antioxidante e diurética.

Para os que precisam ajustar a dieta, a dica mais valiosa neste momento é: Procure um nutricionista! Ele é o profissional que irá te dizer o quanto, como, e a que horas comer os alimentos que você precisa para retornar ao seu equilíbrio.

Deixe um comentário