Águas Claras é 10


Aguas_Claras_2007

O maior canteiro de obras da América La­tina completa dez anos na segunda-feira (6). A manchete talvez não exponha o sen­timento e os anseios de uma população de cerca de 140 mil habitantes que se aper­tam entre prédios, postos de gasolina e padarias. Ainda sem posto de saúde ou batalhão policial, Águas Claras completa sua primeira década de existência embalando o sonho de uma gente jovem e disposta a conquistar novos espaços e amizades. E se houvesse um poço dos desejos? O que essa gente pediria, prioritariamente? Calçadas, escolas ou, apenas, menos engarrafamento?

O certo é que, atendendo pedidos, promessas e, quem sabe, propinas, Águas Claras cresceu muito além do pla­nejado por seu criador, o arquiteto Paulo Zimbres.

A celebração contará com uma vasta programação durante todo o mês de maio. Além das atrações artísti­cas, como shows que vão do forró ao jazz, os moradores serão contemplados com obras de infraestrutura e a ins­talação de equipamentos públicos na cidade que propor­cionarão mais qualidade de vida e desenvolvimento.

O Brasília Capital parabeniza não só esta selva de pedras que de longe parece um emaranhado de pequenas gaiolas empilhadas em valiosos empreendimentos. Parabéns a você que pega engarrafamento na saída da sua garagem. Parabéns a você que vai ao parque praticar exercício, mas também para dar e receber simples bons dias, boas tardes e boas noites. Para você que também usa essas noites para perambular pelos bares, esfriar a cabeça quente do dia-dia com um chopp gelado. Para você que tem que dividir sua cidade com tratores, caminhões e pedreiros.

Acredito que ninguém nasceuo em Águas Claras, mas se estiver errado me corrijam. Talvez por isso não exista nem um nome para eventuais nativos de Águas Claras.

Aliás, quem nasce em Águas Claras é o que? Guerreiro. Que venha mais uma década!

Deixe um comentário