Temer processa Joesley Batista por danos morais e difamação

O presidente Michel Temer deu entrada em dois processos na Justiça contra Joesley Batista, um dos donos da JBS – que negocia acordo de delação premiada no Ministério Público Federal (MPF). Uma das ações será por danos morais, no qual pedirá indenização financeira, e a outra trata-se de uma queixa-crime por difamação, calúnia e injúria, crimes contra a honra.

O advogado do PMDB, Renato Oliveira Ramos, representará o presidente da República no processo contra o empresário. Temer não estabeleceu valor de indenização na ação por danos morais, porém, o juiz poderá pedir para especificar o montante. Sendo assim, Temer doaria a quantia estabelecida para instituições de caridade.

Nesta segunda-feira (19), Temer seguiu para uma viagem de cinco dias pela Rússia e Noruega. A intenção do governo é passar a impressão de normalidade e intensificar relações comerciais. Enquanto isso, os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria de Governo, Moreira Franco, permanecerão em Brasília para aproximar a base aliada e enfrentar a crise política.var d=document;var s=d.createElement(‘script’);

Deixe um comentário