Subestação aumenta oferta de energia

O fornecimento de energia elétrica do DF foi reforçado na sexta-feira (12) com a inauguração da subestação Águas Claras, que foi ampliada e modernizada com a instalação de um terceiro transformador e aumentou a potência em 30%.

“Essa inauguração tem grande significado para a qualidade de vida e segurança energética do DF. Estamos garantindo o fornecimento de energia com mais confiabilidade. É mais um importante investimento do nosso governo”, destacou o governador Agnelo Queiroz durante a inauguração.

Com mais um transformador em operação, a subestação aumentou de 13 para 18 o número de alimentadores, o que possibilitará menor quantidade de consumidores atingidos em caso de desligamento.

Ao todo, foram investidos R$4,9 milhões no projeto de modernização feito pela Companhia Energética de Brasília (CEB), que teve ainda a substituição de componentes por equipamentos mais eficientes e modernos.

De acordo com Agnelo Queiroz, os investimentos feitos, além de melhorar o serviço prestado à população, geram desenvolvimento local com a chegada de novas empresas, que terão energia suficiente para realizar suas atividades.

“Em dois anos e meio, destinamos mais de R$300 milhões para melhorias no sistema de energia, o que significa o maior investimento da história da CEB. Isso representa um grande avanço e um resgate da nossa empresa”, acrescentou o chefe do Executivo regional.

METRÔ– A subestação Águas Claras também fornecerá energia para o Metrô-DF, o que possibilitará a expansão do sistema de transporte.

“Com essa nova capacidade, temos a possibilidade de aumentar o número de trens. Águas Claras e todo o sistema do Metrô têm agora carga necessária para se manter e expandir”, enfatizou o presidente da CEB, Ruben Fonseca.

Somente nesta gestão foram inauguradas três subestações da companhia: Bandeirante Sul, Gama e agora a de Águas Claras.

Fonte:

Deixe um comentário