STJ nega pedido de Celina para acesso a argumentos do MP que levaram ao afastamento da Mesa

 

a11
Presidente afastada da Câmara Legislativa, Celina Leão (PPS)

 

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou pedido da defesa da presidente afastada da Câmara Legislativa, Celina Leão (PPS), para ter acesso ao prdido do Ministério Público que levou ao afastamento da Mesa Diretora. A medida cautelar foi tomada pelo vice-presidente do Tribunal Justiça do DF, Humberto Ulhoa.

A decisão do STJ é do mimistro Antônio Saldanha Palheiro, da 6ª Turma, que negou liminar em Habeas Corpus, impetrado pelo advogado Eduardo Toledo.

A defesa de Celina Leão aguarda conhecimento dos argumentos do STJ para apresentar recurso.

Fonte:

Deixe um comentário