Repórter da Agência Brasil é agredido em protesto

O repórter da Agência Brasil, Vladimir Platonow,  foi agredido na noite de ontem(19) por seguranças do Terminal Rodoviário de Niterói durante a cobertura dos protestos na cidade fluminense. Platonow se abrigou no terminal durante os confrontos entre policiais e manifestantes, quando foi atacado por seguranças armados com cassetetes. Mais pessoas se abrigaram no terminal e também foram agredidas.

Platonow estava gravando as agressões dentro do terminal quando foi cercado por seguranças e agredido com socos, chutes e golpes de cassetetes. Ele teve ferimentos na perna, na cabeça e nos braços. O jornalista deve prestar queixa contra os agressores.

Os confrontos em Niterói começaram na tarde de hoje e os manifestantes tentaram bloquear a Ponte Rio-Niterói. Eles fecharam a Avenida Marquês do Paraná, principal acesso de Niterói à ponte, e o Batalhão de Choque da Polícia Militar interveio para liberar a via. Após os confrontos, a avenida foi  liberada e os manifestantes se concentraram na Praça Arariboia, onde houve novo confronto com a polícia. Neste momento, a manifestação em Niterói já está se acalmando.

Fonte:

Deixe um comentário