Reino Unido aprova casamento gay

Recado aos deputados, diante do Palácio de Westminster: 'Digam: 'Eu concordo' para a igualdade no casamento' (Luke MacGregor/Reuters)
Recado aos deputados, diante do Palácio de Westminster: “Digam: ‘Eu concordo’ para a igualdade no casamento”

De autoria da ministra da Cultura, Maria Miller, o Projeto de Lei de Casamento (para Casais do Mesmo Sexo) permitirá aos casais homossexuais contraírem matrimônio por meio de cerimônias religiosas e civis, desde que fora da Igreja Anglicana. As organizações religiosas não serão “forçadas” a seguirem a legislação, mas contarão com a opção de celebrar a união entre pessoas do mesmo sexo. O projeto de lei também possibilita aos britânicos que vivem sob o regime de parceria civil converterem a relação em um casamento de fato. O texto garante que a lei canônica anglicana — que define o matrimônio como a união entre um homem e uma mulher — não entrará em conflito com a lei civil.

Para os ativistas dos direitos homossexuais, foi uma vitória com forte carga simbólica e com implicações práticas. Por 400 votos a favor e 175 contra, os parlamentares britânicos da Câmara dos Comuns aprovaram o casamento entre pessoas do mesmo sexo, beneficiando-se de um racha no Partido Conservador, do primeiro-ministro David Cameron.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário