Primeira quadra do Paranoá Parque será entregue até fevereiro

A primeira quadra do complexo residencial Paranoá Parque, localizado na entrada da cidade, na área conhecida como Pinheiral, será entregue até o começo de fevereiro de 2014. Nesta etapa, serão concluídas 900 moradias e a expectativa é finalizar a obra por completo em dois anos e meio.

O canteiro de obras recebeu hoje (24) a visita do governador em exercício, Tadeu Filippelli, e do secretário de Habitação, Geraldo Magela. Eles analisaram o andamento da construção e conheceram a primeira unidade modelo, que já recebeu todo o acabamento.

“Esse é um projeto ousado e moderno onde estamos construindo habitações populares com características de dignidade e com valores extremamente dentro da realidade de cada um. Por isso ele está sendo executado com muito cuidado para que nenhum aspecto seja deixado de lado”, afirmou Filippelli.

De acordo com o secretário de Habitação, o cronograma está dentro do previsto. “Apesar dos problemas burocráticos, a obra caminha bem. Com a entrega dessa primeira quadra, os grandes problemas serão vencidos e o processo caminhará com mais agilidade”, destacou.

O projeto prevê a construção de 6.240 unidades de tamanhos que variam entre 46 e 47 metros quadrados, divididos em dois quartos, cozinha, sala e banheiro. As unidades habitacionais, destinadas a famílias cuja renda mensal é de até R$ 1,6 mil, custarão em torno de R$65 mil, financiados pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, por meio da Caixa Econômica Federal.

As parcelas mínimas para os apartamentos variam de R$25 a R$80 e os contemplados que fazem parte do programa, com renda de zero a três salários mínimos, terão de 8 a 10 anos para pagar. O Paranoá Parque está orçado em cerca de R$405 milhões e as obras de infraestrutura terá investimento de R$45 milhões.

MEGACONVOCAÇÃO – A Secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano (Sedhab), com a Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab), realizou, nessa quarta-feira (23), uma megaconvocação do programa “Morar Bem/ Minha Casa Minha Vida”. São mais 12,7 mil famílias convocadas a apresentar documentação para comprovar dados e formalizar o processo.

Desse montante, 10 mil são da Relação de Inscrições Individuais (RII) e 2.762 da Relação de Inscrição por Entidade (RIE), do Novo Cadastro da Habitação. O secretário de Habitação, Geraldo Magela, destacou que as famílias terão direito garantido à moradia, e ressaltou que até o fim de 2014 serão habilitadas mais de 100 mil famílias nas diversas regiões do Distrito Federal.

Fonte:

Deixe um comentário