PIER ACÚSTICO 2017 traz grandes músicos

 Bruno Gafanhoto – Foto: Jonathan Gardner

Em uma ação promocional inédita, o PPM (Prêmio Profissionais da Música), Pier 21 e GRV Media & Entretenimento, uniram-se para realizar, entre 24 e 28 de abril, na praça central do Pier 21, uma edição especial do projeto Píer Acústico. O projeto apresentará uma rica mostra “ao vivo” da diversidade e qualidade musical produzida na capital do país e distribuída em todo o planeta pela GRV, que aproveita a oportunidade para celebrar 17 anos de suas atividades. No palco, Duo Ying Yang, dj Raffa Santoro e Convidados, Tex Quarteto, Blues de Bolso, e Bruno Gafanhoto Trio e Convidados. E, no encerramento, o evento contará com atrações internacionais surpresa.

24 de abril (segunda-feira)

Blues de Bolso

No início de 2004 os músicos Bemol e Haroldinho Mattos decidiram formar um duo de violões para tocar nas casas noturnas da cidade. A ideia inicial era fornecer um repertório composto por músicas que ambos adoravam tocar e cantar: Blues e Rock’n’Roll.

A instrumentação teria que ser o mais clean possível, admitindo-se somente o uso de pré-amplificadores para controlar a qualidade do som gerado, nada de efeitos que alterassem o som dos instrumentos. Tudo seria fácil de ser montado: dois violões, dois microfones, dois banquinhos, uma estante de partituras e repertório para umas duas horas de show ininterruptas. Um palco pocket com duração de show de arena. Um show de bolso. Blues de Bolso!

Dj Raffa em SP. Foto:  Jonathan Gardner

E assim o duo manteve-se em atividade. Foram 6 meses no projeto Boca da Noite no Asbac, dois anos no Lounge Bar do Meliá, dois anos no Restaurante Oscar e outros dois anos no Café da Rua 8, festas particulares, apresentações em diversas casas noturnas, participação em Festivais como Ibitipoca Blues. O trabalho exigiu que o Duo se alongasse em power trio afim de melhor expressar o trabalho em palcos maiores.

Haroldinho Mattos é guitarrista, compositor e luthier. Membro fundador do Oficina Blues, participou e capitaneou grupos como Mel da Terra, Akneton, Oficina Blues, HM Blues, além de colaborar e abrilhantar trabalhos de diversos músicos da cidade. Mineiro de nascimento e Brasiliense por formação, Haroldinho Mattos é um mago na fabricação de guitarras, acordes e solos.

Bemol é violonista, baixista, compositor, cantor e Arquiteto. Considerado como o Introdutor do estilo na cidade – embaixador do Blues, membro fundador dos Grupos Oficina Blues e Filial Blues Band, emprestou os vocais para a Geriatric Blues Band, participou da Banda do carioca Zé da Gaita, Paulinho Trumpete e outros músicos, participou de vários festivais de blues como o extinto e importantíssimo Nescafé & Blues, abriu shows de John Mayall e BB King dentre outros. Bemol é totalmente Brasiliense, nascido na capital.

25 de abril (terça-feira)

Duo Yin Yang

O Duo Yin Yang é um duo instrumental de violões e guitarra composto por Jair Santiago e Kiko Peres. O duo acaba de lançar um álbum chamado “Lounge Guitar (Around the World)”, de música eletrônica. Para conhecer o trabalho desses artistas, clique aqui

DUOYINYANG2 – Foto: Jonathan Gardner

26 de abril (quarta-feira)

DJ Raffa Santoro

Claudio Raffaello Santoro, o DJ Raffa, começou na vida artística a partir dos 6 anos se apresentando nos espetáculos de dança de sua mãe Gisele Santoro na Alemanha. Filho do grande maestro e compositor Claudio Santoro viveu toda sua infância e adolescência em um ambiente onde a arte era prioridade.

Se formou como Engenheiro de Som no “Recording Workshop”, em Ohio nos Estados Unidos no ano de 1989. Logo quando voltou ao Brasil recusou convite da Som Livre (organizações Globo) para ser engenheiro de gravação porque acreditava que o momento era de descobrir o Brasil trabalhando em vários estúdios e se aperfeiçoando cada vez mais. Um ano depois do convite voltou a Som Livre como Produtor Musical. Trabalhou em estúdios de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Velho, Boa Vista e Brasília.

A partir do ano 2000 monta seu primeiro estúdio. No mesmo ano recebe o convite do grande violinista “Luis Otavio” para gravar a Orquestra Barroca dos Festivais Internacionais de musica Colonial de Juiz de Fora MG. A parceria com o Festival dura até os dias atuais. Em 2002 fez um trabalho social voluntário no presídio da Papuda com recuperação de jovens através da musica. A partir de 2005 começa a trabalhar com o grupo de Rap feminino Atitude Feminina produzindo seus 2 CDs e 1 DVD fazendo show com o grupo em todo Brasil e exterior. Em 2006 coordenou o núcleo de Hip Hop do projeto social Crescer em Boa Vista RO. Nos anos de 2005 e 2006 foi Professor de Noções de Áudio e Acústica, MIDI e Oficinas de gravação, curso escrito por ele mesmo na Tecmus da EMB (Escola de Musica de Brasília), no intuito de formar professores para dar o segmento ao curso.

bluesdebolso – Foto: Jonathan Gardner

Em 2016 viajou o Brasil inteiro com o grupo Patubaté no revezamento da tocha olímpica e paraolímpica inclusive tocando no Parque Olímpico durante as Olimpíadas e Paraolimpíadas. No revezamento da Tocha Paraolímpica se apresentou junto com o Patubaté e a Orquestra Bachiana Filarmônica SESI-SP ao lado do grande Maestro João Carlos Martins. Também continua sendo o Diretor do Estúdio de Gravação da Associação Cultural Cláudio Santoro e Representante do GT de Hip Hop no CNDPC (Comissão Nacional dos Pontos de Cultura).

27 de abril (quinta-feira)

Tex Quarteto

Tex é guitarrista formado pelo Musicians Institute, onde fez o programa do G.I.T (Guitar Institute of Technology). Lançou há dez anos seu primeiro CD, intitulado CHEGADA, pela GRV Discos, muito bem recebido pela crítica especializada, inclusive as revistas Guitar Player e Cover Guitarra.

Gravou dois discos com o Quarteto Marakamundi, grupo com o qual realizou turnês pela Alemanha, Portugal, Suíça e Estados Unidos, incluindo shows e workshops de música brasileira.

Retomou os trabalhos com o Tex Quarteto Instrumental para produzir seu mais novo trabalho, baseado na mistura de ritmos e estilos, do fusion ao jazz e à música brasileira, juntamente com os músicos Fernando Palau (teclados), Nando Lima (baixo) e Pedro Augusto (bateria).

TexQuarteto1 – Foto: Jonathan Gardner

28 de abril (sexta-feira)

Bruno Gafanhoto Trio & Convidados

Radicado em Brasília, é graduado em Música pela UnB e Mestre em Drums Jazz Performance pelo Jamey Aebersold Jazz Program – University of Louisville, nos Estados Unidos. Na bateria, já acompanhou nomes de destaque como Brandon Coleman Quartet, Harry Pickens, Gene Perla, Miami Sax Quartet, Doug Johnson, Mike Tracy, Ademir Junior, Hamilton Pinheiro e Marcelo Barbosa, além de ser líder do Bruno Gafanhoto Quarteto e da FUNQQUESTRA, dois projetos de destaque no cenário instrumental da capital federal. Endorser das baterias GRETSCH, Gafanhoto mistura na bateria a tradição de Art Blakey e Paulo Braga com o som moderno de Brian Blade e Edu Ribeiro – suas grandes paixões são o Jazz e, claro, a música Brasileira. Nos Estados Unidos, estudou com Jason Tiemann e Kendrick Scott, além de ter estudado composição com John LaBarbera, trompetista e compositor da lendária Buddy Rich Big Band. O cuidado com a música não fica apenas com as baquetas na mão. Compositor, Bruno Gafanhoto lançou em 2014 o primeiro CD do seu Quarteto, gravado Ao Vivo no tradicional Clube do Choro de Brasília. O álbum tem 7 faixas, todas compostas pelo baterista, e tem como estilo uma mescla entre o Jazz e o cancioneiro popular brasileiro.

https://www.youtube.com/watch?v=YqvZAE5dGIQ

PÍER ACÚSTICO 2017
Data: 24, 25, 27 , 27 e 28 de abril
Horário: A partir das 19h
Local: Praça central – Pier 21 (Setor de Clubes Esportivos Sul (SCES), Trecho 2 Lote 32 – Asa Sul – Brasília DF)
Evento Gratuito
*Classificação Livre