Petrobras toma medidas para evitar prejuízo

A Petrobras informou ter adotado medidas para garantir a normalidade das operações “de modo a não haver qualquer prejuízo às atividades da empresa e ao abastecimento do mercado, sendo mantidas as condições de segurança dos trabalhadores e das instalações da companhia”.

Em nota divulgada na tarde de ontem (17), a empresa informa que não dará opinião sobre os motivos da greve dos funcionários iniciada nesta quinta-feira. Os trabalhadores são contra o leilão do Campo de Libra, marcado para o dia 21, e o Projeto de Lei 4330, que regulamenta a terceirização de mão de obra nos serviços público e privado.

A Petrobras trata do reajuste de 16,53% no salário-base, que é reivindicação da categoria. Diz ter proposto aumento de 7,68% e benefícios como plano de saúde, melhorias nas condições de trabalho, além de propostas educacionais. A empresa afirmou “estar aberta ao processo de negociação com entidades sindicais sobre o Acordo Coletivo de Trabalho 2013”.

 

Fonte:

Deixe um comentário