Pais e Filhos – Reprodução da Estupidez

Em qualquer família há uma tendência nos filhos em reproduzirem condutas negativas do pai ou da mãe. Poucos têm atenção para desenvolverem-se de forma independente. Como fazemos parte de uma humanidade evolutivamente atrasada, a tendência é pela repetição dos hábitos desagradáveis.

Não se trata de herança genética. Trata-se de comportamento aprendido, ou, no dizer dos antigos: “casa de pai, escola de filho”. Assim é que vemos a repetição da estupidez. Miseráveis gerando miseráveis. Hipócritas gerando hipócritas. Violentos gerando violentos. E corruptos, do mesmo modo.

Recentemente, vimos pela televisão a prisão de famoso deputado, juntamente com seu filho, ambos acusados de roubalheira do município de São Paulo.

Os filhos devem ter um olhar crítico sobre os pais. Avaliar suas condutas e, quando negativas, não as incorporarem ou livrarem-se, até mesmo com a ajuda de terapeutas. Tudo deve ser feito para quebrar a reprodução da estupidez.

Os pais devem julgar sua conduta, colocando-se no lugar dos outros, e concluir se gostariam de ser tratados como tratam seus semelhantes. A transformação, permanente para melhor, deve ser um treino diário em nossas vidas.

Fonte:

Deixe um comentário