Marco Feliciano é alvo de “malhação do Judas”

 (Maíra Brito/CB/D.A Press)

Em espuma, papel e tecido, camisa xadrez e gravata, o deputado pastor Marco Feliciano, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, é inspiração para o Judas, na “malhação” da Vila Planalto, em Brasília, neste sábado (30/3).

“Amaldiçoado é o seu preconceito”, diz um dos cartazes posicionado próximo ao boneco. O traidor de Cristo é associado a figuras públicas, normalmente políticos, na tradição do sábado de aleluia. As crianças bateram no boneco.

 (Maíra Brito/CB/D.A Press)


O pastor tem colecionado polêmicas com as minorias teoricamente representadas na comissão, desde que declarações racistas e homofóbicas foram atribuídas a ele.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário