Luta pelo casamento gay

A Suprema Corte dos Estados Unidos ouve nesta terça-feira em Washington alegações em defesa e contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo.


Durante dois dias, advogados de ambos os lados do polêmico debate vão expor seus argumentos aos nove juízes da mais alta instância do Poder Judiciário nos Estados Unidos.


Do lado de fora da Corte, os manifestantes divididos por cores (vermelho, pró-casamento gay; e vermelho, branco e azul, contrários) buscavam apoio da opinião pública.


Pesquisas de opinião recentes mostram que a maioria dos americanos aceita o princípio do casamento entre pessoas do mesmo sexo, que já é uma realidade legal em nove estados, além do Distrito de Columbia. Nos demais, continua proibido.


O presidente Barack Obama reiterou seu apoio à causa nesta segunda-feira, por meio de uma conta no Twitter administrada em seu nome pelo ‘Organizing for Action’, um grupo de pressão fundado após sua reeleição.


“Cada americano deveria poder se casar com a pessoa que ama”, dizia a página no Twitter, com a hashtag “#LoveIsLove”.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário