Judô brasileiro reforça seu investimento de olho em 2016

Confederação revelou seu planejamento, com um gasto adicional de R$ 3 mi

A judoca Sarah Menezes ganhou a primeira medalha de ouro do Brasil na Olimpíada

A judoca Sarah Menezes ganhou a primeira medalha de ouro do Brasil na Olimpíada (Toru Hanai/Reuters)
Em setembro, Sarah Menezes e o resto da equipe têm seu principal compromisso no ano, o Campeonato Mundial, no Maracanãzinho
Um ano depois de conquistar seu melhor resultado na história olímpica, a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) aumentou em 3 milhões de reais seu investimento nos treinamentos da seleção. Em 2012, ano olímpico, 7 milhões foram gastos na preparação que resultou na conquista de quatro medalhas nos Jogos de Londres (uma de ouro, com Sarah Menezes, e três de bronze, com Mayra Aguiar, Rafael Silva e Felipe Kitadai). Para 2013, estão reservados 10 milhões de reais. O objetivo é claro: repetir Londres na Rio-2016 e ser a maior fonte de medalhas do Brasil na próxima Olimpíada. O planejamento técnico da CBJ para o próximo ciclo olímpico foi apresentado na terça-feira, no Rio de Janeiro, cidade onde a seleção começou a treinar no início da semana.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário