Horta comunitária atende creches

A QE 37 do Guará II mantém, com apoio da administração regional da cidade, uma horta comunitária que abastece cinco creches da cidade com várias espécies de hortaliças e leguminosas.

“Por meio das doações, as crianças que estão nas creches da cidade podem receber uma alimentação mais adequada e saudável”, afirmou hoje o administrador do Guará, Carlos Nogueira, ao ressaltar que o projeto tem contribuído para melhorar a qualidade do hábito alimentar das crianças do local.

Criada há quatro anos em uma área de mil m², na horta são cultivadas rúcula, alface, couve, cenoura, cebolinha, cheiro-verde, salsinha, mostarda, quiabo e abobrinha.

De acordo com o técnico agrícola Djalma Emiliano, responsável pela horta, é dada prioridade para o cultivo de hortaliças e leguminosas de colheita rápida e que permitem atender a um maior número de crianças. “A rúcula, por exemplo, é colhida de 20 a 25 dias. A alface vai para a mesa com 30 e 35 dias”, lembrou Djalma.

A horta produz as próprias sementes e, quando a demanda é maior que a oferta, a administração recorre à Emater.

“Com essa doação garantimos bons hábitos alimentares e quatro refeições diárias às nossas crianças, como café da manhã, lanche, almoço e lanche da tarde”, disse a coordenadora da creche Santo Aníbal, Luciana Corrêa.

A horta comunitária produz também plantas medicinais, como hortelã, cidreira, capim santo, funcho, erva-babosa, manjericão e erva-doce, que são doadas para a comunidade.

O produto é distribuído toda segunda e quarta-feira, quando são entregues em média 100 kits com hortaliças diversas para as creches.

Fonte:

Deixe um comentário