Hamas proíbe colégio misto na Faixa de Gaza

Entrou em vigor, no último domingo (31/3), uma lei que proíbe a convivência de meninos e meninas maiores de nove anos em colégios na Faixa de Gaza. O anúncio foi feito pelo ministro da Educação do Hamas, Osama Mazini, que controla a região.

O texto, promulgado em 10 de fevereiro e aprovado pelo Conselho Legislativo do Hamas, passou a valer neste domingo, informou o ministro Mazini, em uma entrevista coletiva.


Um dos artigos da lei “proíbe misturar alunos dos dois sexos maiores de nove anos nos centros escolares”.

O movimento islamita Hamas tem imposto leis religiosas conservadoras, como a que obriga as meninas em idade escolar a usar vestidos longos tradicionais e a manter a cabeça coberta com um lenço.

Fonte: France Press

Sites e Blogs

Deixe um comentário